Educação Audiência pública debate expansão da UPE para Agreste Setentrional

Audiência pública debate expansão da UPE para Agreste Setentrional


A implantação de uma universidade pública no Agreste Setentrional voltou a ser tema de audiência pública na Alepe. Nesta terça (8), as Comissões de Educação e de Ciência e Tecnologia promoveram um encontro virtual sobre o assunto, proposto pelo deputado Professor Paulo Dutra (PSB) e pela deputada Teresa Leitão (PT). Os parlamentares atenderam à solicitação de um grupo formado por gestores públicos, empresários e educadores com a intenção de lutar pela expansão da Universidade de Pernambuco (UPE) para um município-polo da região. 

APOIO – “Universidade é essencial para transformar a sociedade e impulsionar o desenvolvimento regional”, salientou Antônio Barros. Foto: Evane Manço

Em 2019, a Alepe realizou uma primeira discussão sobre a carência de faculdades públicas com ensino presencial na área, que reúne 19 cidades. Cerca de mil universitários deslocam-se diariamente para frequentar aulas em instituições públicas de localidades vizinhas, informou o presidente da Comissão Pró-Universidade do Agreste Setentrional, Antônio Barros.

“A universidade é essencial para transformar a sociedade e impulsionar o desenvolvimento regional”, salientou. Ele destacou a importância do apoio dos deputados estaduais e federais ao pleito.

Professora e vice-presidente do grupo, Horasa Andrade relatou que a região possui municípios economicamente relevantes nos setores moveleiro, de confecção e agrícola, como Santa Cruz do Capibaribe, Surubim e Limoeiro. Contudo, os jovens não conseguem se habilitar para ocupar as vagas mais especializadas.

“Os cursos superiores públicos mais próximos estão a cem quilômetros de distância, o que, com o tempo, pode levar ao cansaço e ao desestímulo dos alunos”, frisou. 

Para o representante da UPE no Diretório Central dos Estudantes (DCE-UPE), Hélio Monteiro, a instituição é uma das melhores de Ensino Superior do País e precisa ser fortalecida.

“A expansão do campus é necessária, mas o investimento na melhoria da qualidade do ensino também deve ser prioridade”, pontuou.

O universitário reclamou que os alunos estão sem acesso ao orçamento desde 2012, e pediu transparência em relação a esses dados. Também cobrou investimentos em equipamentos e laboratórios, bem como em espaços de convivência e assistência estudantil. 

ORÇAMENTO – Segundo o secretário Lucas Ramos, “levar a universidade a outras regiões só será possível quando houver lastro financeiro”. Foto: Evane Manço

“A UPE nasceu interiorizada”, afirmou o reitor, Pedro Henrique Falcão. Ao se tornar universidade, há 30 anos, um dos objetivos era levar a instituição a todas as cidades-polo do Estado. Atualmente, a UPE está em quase todas as regiões e deverá chegar ao Agreste Setentrional e ao Sertão do Araripe assim que o orçamento permitir, disse o gestor. “Não adianta implantar uma unidade se não tivermos como arcar com os custos de manutenção, que é o mais importante”, salientou. “Vale ressaltar que estamos sempre buscando melhorar a qualidade do ensino. As emendas parlamentares têm contribuído para essa evolução.”

O secretário estadual de Ciência e Tecnologia, Lucas Ramos, reconheceu a importância de expandir a UPE, mas observou que, além de limitações financeiras, o Governo está com restrições para contratação de pessoal em razão da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Entretanto, ele assinalou que, mesmo com as dificuldades atuais, a instituição foi beneficiada com ações no complexo hospitalar da universidade, como a Casa de Parto no Centro de Saúde Amaury de Medeiros (Cisam), a aquisição de um tomógrafo e a conclusão do anexo do Procape.

“Levar a UPE ao Agreste Setentrional e ao Araripe está na pauta do Governo do Estado. Mas isso só será possível quando houver lastro financeiro para custear as unidades”, admitiu.

INICIATIVA – “Precisamos descobrir os caminhos para essa conquista”, expressou Teresa Leitão, uma das solicitantes do encontro. Foto: Evane Manço

Os parlamentares presentes à reunião também defenderam a expansão do campus da entidade.

“É uma demanda antiga que apoiamos. Precisamos descobrir os caminhos para essa conquista”, expressou Teresa Leitão. “Nos últimos anos, nosso Estado tem colocado a educação em primeiro lugar. Acredito que a implantação dessa nova faculdade vai se tornar realidade em breve”, comentou Paulo Dutra.

“A iniciativa é um indicativo de progresso para Pernambuco”, opinou William Brigido (REP). “Estamos sempre à disposição para colaborar com a UPE. É preciso estudar uma forma de a instituição chegar lá o quanto antes”, avaliou Diogo Moraes (PSB).

Representante do Araripe, outra região ainda sem universidade pública, Antonio Fernando (PSC) considera que a reivindicação é justa:

“Investir em educação e tecnologia sempre deve ser prioridade”. Para a codeputada Joelma Karla, do mandato coletivo Juntas (PSOL), o Agreste Setentrional é economicamente forte, sendo “mais que necessária” uma instituição do tipo. O presidente da Comissão de Educação, deputado Romário Dias (PSD), que conduziu a audiência, analisou que a dificuldade de manutenção é o grande problema a ser enfrentado. “É nessa hora que os recursos do Governo Federal fazem mais falta.”

Projetos

Antes do encontro, a Comissão de Educação realizou uma Reunião Ordinária para apreciar 13 proposições, sendo 12 aprovadas e uma retirada de pauta. Entre as acatadas, estava o substitutivo que reuniu os Projetos de Lei (PLs) nº 2014/2021, de Teresa Leitão, e n° 2032/2021, da Delegada Gleide Ângelo (PSB). A matéria cria o Estatuto da Mulher Parlamentar e Ocupante de Cargo ou Emprego Público, prevendo mecanismos para enfrentar o assédio e a violência política.

EXPECTATIVA – “A implantação dessa nova faculdade vai se tornar realidade em breve”, afirmou Paulo Dutra. Foto: Evane Manço

O colegiado também deu aval a duas propostas do Poder Executivo. O PL nº 2300/2021 autoriza o Governo a comprar notebooks e conceder auxílio para pagamento de internet a professores da Rede Estadual de Ensino. Durante a discussão, alguns deputados defenderam que o Estado encaminhe novo texto incluindo os docentes contratados.

“O mérito é inquestionável, mas precisamos encontrar uma solução para que todos sejam contemplados”, enfatizou Teresa. “Podemos convocar uma reunião com a Secretaria de Educação para debater o assunto”, sugeriu Romário Dias.

Outra proposição referendada foi o PL nº 2301/2021, que garante auxílio financeiro para artistas de cultura popular, dança e música que tenham sido contratados pelo Estado, pelo menos uma vez, nas festas juninas de 2018 e 2019. O projeto foi relatado pelo mandato coletivo Juntas, que propôs a realização de uma audiência pública para discutir a ampliação do benefício a profissionais da cultura.

“Vamos tentar agendar para a próxima semana”, adiantou Dias.

Jefferson Felipe 09 jun 2021 - 9:16m

0 Comentários

Deixe uma resposta


Farma Fácil (Grande)
Amanda Barros (Grande)
Oficina dos Óculos (Grande)
Gelar (Grande)
Império dos Camarões (Grande)
Mateus Assistência (Grande)
Novo Atacarejo (Grande)
Immobilis Negócios Imobiliários
Ana Laura Personalizados (Grande)
João Januário Tecidos (Grande)

Instituto Olavo Bilac (Grande)
Dr. Leonardo Brito
Pernambuco Proteção Veicular (Grande)
RC Tecidos (Grande)
JCL (Grande)
Unicesumar EAD (Grande)
Jasfac (Grande)
Ana Laura Personalizados (Grande)
BR Polo Shopping (Grande)
Lis Bambini

VÍDEO EM DESTAQUE

Novo Atacarejo (Lateral)
Lis Bambini (Lateral)
BR Polo Shopping (Lateral)
Autoescola Nossa Senhora das Graças (Lateral)
House Club (Lateral)
Academia Republic (Lateral)
Oficina dos Óculos (Lateral)
Amanda Barros (Lateral)
Arrumadinho (Lateral)
Pernambuco Proteção Veicular (Lateral)
Richard Martyns (Lateral)
Unicesumar Santa Cruz (Lateral)
JCL (Lateral)
Bahia Ferragens (Lateral)
Athom (Lateral)
Design Riscos (Lateral)
Val Games (Lateral)
Moda Center (Lateral)
Instituto Olavo Bilac (Lateral)
João Januário Tecidos (Lateral)
Clínica Vitta (Lateral)
Escolinha Geração XXI (Lateral)
Clim Center (Lateral)
Immobilis (Lateral)
Ana Laura Personalizados (Lateral)
Império dos Camarões (Lateral)
Agreg Comunicação (Lateral)
Gelar (Lateral)
Sign Digital (Lateral)
RC Tecidos (Lateral)
Mateus Assistência (Lateral)
Clínica Ruth Nunes (Lateral)
Dr. Leonardo Brito (Lateral)
BestNet (Lateral)
Academia Saúde e Forma (Lateral)
Real Tags e Etiquetas (Lateral)
Aplicativo