Cotidiano Em Carta, Monsenhor acusa Bispo de Caruaru de violência psicológica

Em Carta, Monsenhor acusa Bispo de Caruaru de violência psicológica


Uma carta que teria sido escrita pelo Monsenhor Guilherme Gomes da Silva, que atuava em Malhada de Pedra na Zona Rural de Caruaru, viralizou em grupos de whatsapp. O conteúdo relata a forma como o sacerdote teria sido tratado pelo Bispo da Diocese de Caruaru, Dom José Ruy.

Segundo a nota, o Bispo afastou o Monsenhor das atividades e o transferiu para morar no Lar Sacerdotal da Diocese. Na mudança, o monsenhor teria deixado um acervo de livros que pertece a biblioteca particular dele. Ao solicitar que esses livros fossem enviados para ele, o monsenhor Guilherme, segundo a nota, teria sido ignorado.

Após ameaçar procurar o Conselho do Idoso, em busca dos direitos, o Monsenhor diz na carta que recebeu a visita do Bispo. Ainda de acordo com a carta, o Bispo levantou a voz para ele e mandou que ele assumisse que estava velho e senil. De acordo com a nota, o Bispo afirmou ainda que não gostava do Clero local, da Diocese, nem da cidade de Caruaru e que estava arrependido de ter vindo para o município.

O Monsenhor encerra a nota dizendo que diante deste comportamento e da violência psicológica sofrida por ele, o Bispo deveria se afastar do cargo. A Diocese ainda não se pronunciou sobre as acusações. Abaixo a carta.

Informações: Evandro Lins

Alisson Gabriel 07 maio 2024 - 15:51m

0 Comentários

Deixe uma resposta


1Farma (Grande)
JCL (Grande)
Total (Grande)
João Januário Tecidos (Grande)
Valloriza / Jasfac
Novo Atacarejo (Grande)
Mateus Assistência (Grande)
Integra Mais (Grande)
APAE (Grande)

Mandacaru Açaíteria (Grande)
Altas Horas Outlet (Grande)
APAE (Grande)
Mateus Assistência (Grande)
Novo Atacarejo (Grande)
Moda Center (Grande)
Sam’s Sushi (Grande)
M Mestre Empreendimentos (Grande)
Moura & Lima (Grande)
Dra. Patrícia Queiroz (Grande)