Cotidiano Cerca de 30 foliões denunciaram terem sido furados com agulhas, no carnaval de Olinda e Recife

Cerca de 30 foliões denunciaram terem sido furados com agulhas, no carnaval de Olinda e Recife


Dezenas de foliões no carnaval de Pernambuco denunciaram terem sido vítimas de “agulhadas” durante as festas em Recife e Olinda, segundo a Secretaria Estadual de Saúde. Eles foram atendidos no Hospital Correia Picanço, onde passaram por protocolos de saúde devido ao risco de infecções sexualmente transmissíveis, como hepatite e HIV. O conteúdo das agulhas e se estavam contaminadas é desconhecido.

As vítimas receberam atendimento médico, incluindo coleta de exames, prescrição de medicamentos e Profilaxia Pós-Exposição ao HIV (PEP), que consiste em 28 doses de medicamentos para prevenir a instalação do vírus no organismo após uma exposição de risco.

Uma das vítimas relatou que quando sentiu o furo pensou, “e agora?”. Na hora, não consegui olhar direito, mas, quando encontrei um lugar mais calmo, vi que tinha um furo, com um pouco de sangue. Já tinha ouvido falar desses casos [carimbadores]. Vi o furo e pensei ‘e agora?.

Alisson Gabriel 23 fev 2024 - 11:14m

0 Comentários

Deixe uma resposta


Total (Grande)
Novo Atacarejo (Grande)
1Farma (Grande)
JCL (Grande)
APAE (Grande)
Mateus Assistência (Grande)
Valloriza / Jasfac
Integra Mais (Grande)
João Januário Tecidos (Grande)

Moda Center (Grande)
M Mestre Empreendimentos (Grande)
APAE (Grande)
Mandacaru Açaíteria (Grande)
Cabeça Gesso (Grande)
Sam’s Sushi (Grande)
Kits Elásticos (Grande)
Cetias (Grande)
Auto Planos (Grande)
Luciana Mendes (Grande)