Cotidiano Pernambuco: “Teste de fidelidade virtual” torna-se ‘negócio’ e divide opiniões

Pernambuco: “Teste de fidelidade virtual” torna-se ‘negócio’ e divide opiniões


Com o crescimento das redes sociais os brasileiros viram surgir também uma série de comportamentos que em outros tempos pareciam distantes da realidade, mas que hoje já se tornaram um fato. Um desses comportamentos não é tão novo, mas tem se popularizado bastante nos últimos meses e em Pernambuco já é algo “acessível” em muitos grupos de vendas de produtos do Facebook por exemplo.

Estamos falando do “teste virtual de fidelidade”. O nome já resume do que se trata esse “serviço” comercializado principalmente por mulheres nas plataformas digitais. Na ocasião, as mesmas oferecem o trabalho com base em estratégias visando chegar até suas possíveis clientes, normalmente outras mulheres desconfiadas com a fidelidade de seus respectivos companheiros.

O Blog conversou com Mariana, uma jovem residente em Caruaru, de 26 anos, que durante a pandemia começou a vender testes de fidelidade virtuais após ter visto algo parecido nas redes sociais. Mariana relatou que existem pontos negativos no que faz, mas no seu entendimento está ajudando outras mulheres e descobrirem a índole dos homens com quem estão se relacionando. Mariana não aceitou ter sua imagem e sobrenomes revelados pois acredita que isso a impedirá de realizar futuras novas ‘investigações’, como prefere chamar os testes de fidelidade que realiza.

“Geralmente quem me contrata são mulheres que estão desconfiadas dos maridos. Eu inicio uma conversa e na maioria das vezes já consigo um resultado no primeiro dia mesmo após uma conversa”, conta a jovem.

Mariana revela sua estratégia e como atua para conseguir novos clientes e revela algo preocupante acerca dos casos que já interagiu.

“Quase sempre consigo clientes através de grupos do Facebook, posto um anúncio informando o que faço e deixo meu contato. Muitas mulheres falam comigo, mas homens também. Também comento em matérias sobre traições de famosos nas redes (sociais), isso faz muita gente vim falar comigo. Na grande maioria dos casos o homem ‘caí’ na investiga”, aponta a jovem.

A jovem revela que muita gente tem um conceito errado sobre essa modalidade de teste e que também é constantemente atacada por pessoas que criticam o que ela faz afirmando que ela estaria “destruindo relacionamentos” ou “faturando com a desgraça alheia”. Ela se defende:

“Eu não acho o que eu faço errado, eu não mando fotos íntimas para ninguém, eu só atendo um pedido das namoradas e esposas que quase sempre estão sendo traídas por eles. Sempre depois que eu termino (o trabalho) eu bloqueio a pessoa e já era”, diz ela afirmando que não mantém possibilidade de contato com os homens com quem realiza os testes.

Para muitas pessoas o conteúdo dessa matéria pode soar como algo novo, porém essa prática vem se desenrolando desde 2017. Na época os casos ganharam destaque inclusive na imprensa nacional. Todavia, os testes virtuais de fidelidade deixaram de ser algo exclusivo quando se tornaram populares em grupos nas redes sociais. Hoje já há quem ofereça tal serviço com valores a partir de R$ 15,00. Só no caso da entrevistada, ela estima já ter realizado mais de 150 testes nos últimos dois anos.

No Facebook é comum encontrar pessoas oferecendo os serviços:

Essa semana um debate sobre o tema acabou sendo gerado em um grupo do Facebook denominado justamente de ‘Teste de Fidelidade’. Na ocasião, um usuário da rede abriu a discussão após afirmar que as mulheres que realizam esse tipo de teste correriam perigos graves. Só em Pernambuco situações envolvendo os ditos testes já viraram caso de polícia.

Bruno Muniz 01 maio 2022 - 18:33m

0 Comentários

Deixe uma resposta


Gelar Climatização (Grande)
Iran Bikes (Grande)
Ana Laura Personalizados (Grande)
Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe
Quero Sandálias (Grande)
WG Aviamentos (Grande)
Instituto Olavo Bilac (Grande)
Mateus Assistência (Grande)
Mandacaru Açaíteria (Grande)
Immobilis Negócios Imobiliários (Grande)

RC Tecidos (Grande)
WG Aviamentos (Grande)
Dr. Napoleão Bezerra (Grande)
Pernambuco Proteção Veicular (Grande)
Mandacaru Açaíteria (Grande)
Unicesumar EAD (Grande)
ASCAP (Grande)
Lis Bambini (Grande)
Novo Atacarejo (Grande)
Chiquinho Sorvetes (Grande)