Cultura Punctum Filmes lança curta-metragem “Filhos Ausentes”

Punctum Filmes lança curta-metragem “Filhos Ausentes”


Com direção de Virgínia Guimarães e Jansen Barros, curta conta a história de uma personagem que volta a cidade para se despedir do pai.

Com produção da PUNCTUM Filmes, ‘Filhos Ausentes’, foi lançado na última sexta-feira (18) o filme-ensaio em curta-metragem de Jansen Barros e Virgínia Guimarães, que apresenta a narrativa de uma mulher com sentimentos ligados às lembranças da Feira da Sulanca em Santa Cruz do Capibaribe. Em sua volta à cidade e enquanto lida com o luto pela morte de seu pai, ela revela uma série de memórias que a conectam às suas raízes.

O título do curta-metragem tem referência na festa do Senhor Bom Jesus dos Aflitos e São Miguel, mais especificamente ao ‘Dia dos Filhos Ausentes’ (Lei nº 2.389/2014). A simbologia desta festa atravessa o filme-ensaio e estabelece uma relação do presente com o passado, e traz imagens de uma Santa Cruz do Capibaribe/PE que permanece nas histórias de vida dos que moram aqui, dos que já se foram e daqueles que perdem ou já perderam entes queridos.

A diretora Virgínia Guimarães conta que a escolha por fazer um filme-ensaio e não simplesmente um filme documentário ou outro gênero é devido ao fato do ‘filme-ensaio possibilitar maior liberdade:

“Gosto de chamar de filme-ensaio porque sinto que ele é aberto, tem um fluxo que se revela à medida que vai acontecendo, e não se encerra, é como um convite a um lugar onde ainda não se sabe qual é, mas que já se tem uma luz”. Ela ainda fala sobre o processo de criação do filme, que tenta explorar muitas nuances da cidade: “Santa Cruz é uma cidade onde a maioria das pessoas é de outro lugar, e também que acolhe gente de vários lugares do país. Uma cidade que anos atrás tinha um rio limpo. Tem muito da substância da nossa própria história e da história de nossos amigos e familiares nesse filme”.

O filme ainda utiliza técnicas de animação em rotoscopia, e traz imagens de referência do acervo do documentário Nossa Cidade Nossa Gente (2011), que tem produção de Mário Neves. Sobre o uso de imagens de acervo de outros filmes, o também diretor Jansen Barros, ressalta a importância de valorizar a produção audiovisual da cidade:

“Além de resgatar um outro trabalho audiovisual da cidade e fortalecer a cena local, fazendo com que ainda mais pessoas conheçam esse outro projeto incrível que resgata nossa história, a ideia de utilizar as imagens antigas no curta é inseri-las como uma espécie de sonho, uma volta ao passado que a personagem podia sentir através das histórias que o pai contava”.

‘Filhos Ausentes” é uma grande homenagem aos filhos que levam suas terras no coração. Homenagem aos que vão com a terra adormecida, aos que sonham e desejam nascer, crescer e ir felizes, preservando e alongando suas raízes.

Assista:

Sinopse

Depois de muito tempo longe, uma personagem vai ao encontro de sua terra natal para se despedir do pai. Ao ser inundada por sentimentos ligados à memória afetiva da cidade, um diálogo com essa despedida e esse reencontro se costuram em uma tomada de decisão.

Ficha técnica

Duração: 7’52’’

Produção: PUNCTUM Filmes

Realização: Lei de incentivo a cultura Aldir Blanc

Direção: Jansen Barros e Virgínia Guimarães
Roteiro e narração: Virgínia Guimarães

Montagem e edição: Jansen Barros

Captação e tratamento de som: Virgínia Guimarães

Trilha sonora: Virgínia Guimarães

Coordenação de trilha sonora: Jansen Barros

Rotoscopia: Jansen Barros e Virgínia Guimarães

Bruno Muniz 19 mar 2022 - 19:41m

0 Comentários

Deixe uma resposta


Farma Fácil (Grande)
Athom (Grande)
Oficina dos Óculos (Grande)
Immobilis Negócios Imobiliários (Grande)
JCL (Grande)
Ana Laura Personalizados (Grande)
Quero Sandálias (Grande)
220 Cabeamentos (Grande)
Amanda Barros (Grande)
Iran Bikes (Grande)

Kits Elásticos (Grande)
Ana Laura Personalizados (Grande)
JCL (Grande)
Sistemax (Grande)
Iran Bikes (Grande)
220 Cabeamentos (Grande)
Unicesumar EAD (Grande)
Dr. Leonardo Brito (Grande)
Chiquinho Sorvetes (Grande)
Valloriza (Grande)