Cotidiano

Pai que teve família assassinada pelo próprio filho pede a liberdade do mesmo


Em áudio enviado aos meios de imprensa, o sargento Benedito da Silva, defendeu o filho responsável por matar a própria mãe e o irmão em Patos, na Paraíba. O próprio Benedito ficou paraplégico ao também ser baleado pelo filho de 13 anos que foi detido após o crime.

No áudio, Benedito chora e apesar de tudo o que aconteceu, defende o filho e afirma que irá cuidar dele com todo o amor. Ele também pediu para que ele não continue detido, mas que seja liberado e possa viver em liberdade. Internado no Hospital de Trauma em Campina Grande, o sargento reformado culpou jogos eletrônicos de tiro por exercer influência sobre o seu filho, além de amizades.

Confira o áudio:

O crime em questão aconteceu na última semana e foi noticiado aqui. O caso chocou o país e foi relatado até mesmo em outros países.

Bruno Muniz 23 mar 2022 - 22:33m

0 Comentários

Deixe uma resposta


Oficina dos Óculos (Grande)
Instituto Olavo Bilac (Grande)
Pernambuco Proteção Veicular (Grande)
Mateus Assistência (Grande)
Kits Elásticos (Grande)
Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe
ASCAP (Grande)
Immobilis Negócios Imobiliários (Grande)
Farma Fácil (Grande)
Novo Atacarejo (Grande)

Lis Bambini (Grande)
Pernambuco Proteção Veicular (Grande)
Novo Atacarejo (Grande)
Unicesumar EAD (Grande)
JCL (Grande)
ASCAP (Grande)
Ana Laura Personalizados (Grande)
Valloriza (Grande)
Postos Badú (Grande)
Best Net (Grande)