Cotidiano

Pai que teve família assassinada pelo próprio filho pede a liberdade do mesmo


Em áudio enviado aos meios de imprensa, o sargento Benedito da Silva, defendeu o filho responsável por matar a própria mãe e o irmão em Patos, na Paraíba. O próprio Benedito ficou paraplégico ao também ser baleado pelo filho de 13 anos que foi detido após o crime.

No áudio, Benedito chora e apesar de tudo o que aconteceu, defende o filho e afirma que irá cuidar dele com todo o amor. Ele também pediu para que ele não continue detido, mas que seja liberado e possa viver em liberdade. Internado no Hospital de Trauma em Campina Grande, o sargento reformado culpou jogos eletrônicos de tiro por exercer influência sobre o seu filho, além de amizades.

Confira o áudio:

O crime em questão aconteceu na última semana e foi noticiado aqui. O caso chocou o país e foi relatado até mesmo em outros países.

Bruno Muniz 23 mar 2022 - 22:33m

0 Comentários

Deixe uma resposta


João Januário Tecidos (Grande)
Integra Mais (Grande)
APAE (Grande)
Valloriza / Jasfac
1Farma (Grande)
Mateus Assistência (Grande)
JCL (Grande)
Total (Grande)
Novo Atacarejo (Grande)

Kits Elásticos (Grande)
Moura & Lima (Grande)
Mandacaru Açaíteria (Grande)
Novo Atacarejo (Grande)
Moda Center (Grande)
Dra. Patrícia Queiroz (Grande)
RC Tecidos (Grande)
Auto Planos (Grande)
Cabeça Gesso (Grande)
Luciana Mendes (Grande)