Cotidiano Curta-metragem ‘Cidade de Pedra’ estreia nesta sexta (18), em Toritama

Curta-metragem ‘Cidade de Pedra’ estreia nesta sexta (18), em Toritama


Escrito pela pernambucana Valderiza Pereira, o curta-metragem “Cidade de Pedra” tem lançamento nesta sexta-feira, 18.03, em Toritama, no Agreste Setentrional de Pernambuco. A exibição do documentário será no Cine Aurélio, às 18h. O evento é gratuito.

O filme inova o cenário cinematográfico local ao conduzir uma narrativa que trata sobre a pré-história de Toritama.

“Eu cresci na cidade de Toritama, passei minha infância inteira andando nesse Sítio Histórico, mas foi durante a pandemia que pude me aprofundar e pesquisar mais sobre as pinturas rupestres. Foi quando percebi que ninguém aqui faria um trabalho para valorizar as riquezas do local e decidi iniciar o projeto”, destacou Valderiza Pereira.

Durante as gravações do documentário, foram encontradas diversas pinturas rupestres e sinais de antigas civilizações, inclusive, ossadas de prováveis preguiças gigantes que podem datar mais de 10 mil anos. Os sítios arqueológicos visitados foram Matumbos, Antão e Vila São Benedito, todos localizados na zona rural da cidade.

A produção desse documentário é uma tentativa de resgate das artes rupestres e da história antropológica de Toritama.

“Ouvimos proprietários de terras, historiadores, antropólogos, escritores e moradores que falam de geração em geração sobre os índios nômades que moraram nas localidades”, pontuou a diretora.

SERVIÇOS

Data: 18 de março

Hora: 18h

Local: Cine Aurélio (Rua João Pereira Tabosa, nº 28)

Entrada: gratuita

Link para teaser: https://drive.google.com/file/d/1FODsLHmqE-uwN8860_ecGrSQkGfcIhDE/view?usp=drivesdk

SOBRE A DIRETORA

Valderiza Pereira é formada em Comunicação Social pela UFPE com ênfase em produção cultural e mídias sociais. No audiovisual, dirigiu o curta “Cacimbão” (2016), “O Pirata” – Clipe Ave Sangria (2021) e o programa de entretenimento “Val Visita” (2016). Além de ter participado dos filmes “Bloodmary” (2018) e “Para que não se acabe” (2021).

Na área de Produção Cultural, participou dos projetos Tropicália/Madalena – 2012- 2014; De cara limpa – 2012; CACO – 1° Semana de comunicação da UFPE – 2015; FENAGRESTE – 2016; Festival Animacine – 2017; Projeto Conexões – 2017; Vozes Interculturais – 2017 – Festival de música alto do moura – (caruaru – PE); Programa Cultura Viva – 2019; 1° Expedição Cultura Viva – 2021; entre outros.

CRÉDITOS

Roteiro e Direção: Valderiza Pereira

Trilhas: Biahits, Instituto Dark Wave e Vini

Edição: Paulo Lira

Design: Edmilson Pontes

Captação de Imagens: Renan Cabral

Captação de Áudio: Geisa Guzatti

Pesquisa: Valderiza Pereira, Leonardo Ferreira e Jadiel Ferreira

Fotografia Still: Alissa Guzatti

Imagens aéreas: Valderiza Pereira

ELENCO

Lavinia Bezerra, Múcio Aguiar, Leonardo Ferreira, Jadiel Ferreira, Marta Silva, Billi Djow, Alice Santana da Silva, Neto Roque, Vinicius Tavares, Zé Teixeira, Ana Dione, Lula Barros, Arnaldo Vitorino, Sandro Guimarães, Pequeno, Ozana Maria, Justino Eliodoro da Silva

Bruno Muniz 16 mar 2022 - 22:54m

0 Comentários

Deixe uma resposta


Instituto Olavo Bilac (Grande)
Ana Laura Personalizados (Grande)
Mateus Assistência (Grande)
Dr. Napoleão Bezerra (Grande)
Novo Atacarejo (Grande)
Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe
Bahia Ferragens (Grande)
Iran Bikes (Grande)
Oficina dos Óculos (Grande)
Immobilis Negócios Imobiliários (Grande)

Iran Bikes (Grande)
Bahia Ferragens (Grande)
Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe
WG Aviamentos (Grande)
Kits Elásticos (Grande)
Best Net (Grande)
Cabeça Gesso (Grande)
Dr. Napoleão Bezerra (Grande)
Novo Atacarejo (Grande)
Valloriza (Grande)