Policial Criança de três anos é encontrada morta após ter sido torturada no Alto do Moura, em Caruaru; mãe é principal suspeita

Criança de três anos é encontrada morta após ter sido torturada no Alto do Moura, em Caruaru; mãe é principal suspeita


A hipótese é que a menina vinha sendo violentada há bastante tempo, já que alguns dos sinais de agressão identificados em seu corpo já estavam em estado de cicatrização, outras lesões, porém, eram recentes.

Um crime com requintes de crueldade chocou moradores do Alto do Moura, em Caruaru, Agreste de Pernambuco. Uma menina de três anos foi encontrada morta nesta segunda-feira (6) e a informação inicial era de que a criança tinha morrido engasgada, mas quando a perícia chegou ao local, constatou sinais de agressão, indicando que a menina teria morrido após ter sido submetida a uma série de torturas. 

De acordo com o perito criminal da Polícia Civil (PC-PE), Ricardo Souza, os levantamentos criminalísticos feitos no local apontam que a menina teria sofrido violência doméstica.

“A hipótese é que a criança sofria violência, por conta dos perfis de sangue localizados no quarto no qual a vítima se encontrava e principalmente diante das características das lesões espalhadas por todo o corpo da vítima, em especial a região dos lábios”, contou.

Ainda segundo ele, foram identificados sinais de esganadura e queimadura.

“Identificamos um possível sinal de esganadura, e também é de chamar atenção que na região das nádegas da criança foi observada uma característica de lesão causada por uma possível queimadura, embora essa lesão vá ser melhor descrita por laudo emitido pelo IML”, explicou. 

A hipótese é que a menina vinha sendo violentada há bastante tempo, já que alguns dos sinais de agressão identificados em seu corpo já estavam em estado de cicatrização, outras lesões, porém, eram recentes.

 “A criança estava bastante arranhada, seus cabelos foram boa parte arrancados de forma violenta, a cabeça da criança pode ter sido arremessada contra a parede também”, completou o perito. 

Até o momento, a principal suspeita de cometer o crime é a mãe da menina. A mulher fugiu do local junto com sua companheira, e ambas estão sendo procuradas pela polícia. 

Bruno Muniz 06 set 2021 - 9:25m

0 Comentários

Deixe uma resposta


Total (Grande)
João Januário Tecidos (Grande)
Mateus Assistência (Grande)
APAE (Grande)
1Farma (Grande)
JCL (Grande)
Novo Atacarejo (Grande)
Integra Mais (Grande)
Valloriza / Jasfac

Sam’s Sushi (Grande)
Cetias (Grande)
Altas Horas Outlet (Grande)
Moda Center (Grande)
Sistemax (Grande)
M Mestre Empreendimentos (Grande)
Dra. Patrícia Queiroz (Grande)
Mateus Assistência (Grande)
Kits Elásticos (Grande)
Moura & Lima (Grande)

REPORTAGEM ESPECIAL

Sistemax (Lateral)
Luciana Mendes (Lateral)
Novo Atacarejo (Lateral)
Agreg Comunicação (Lateral)
Immobilis Negócios Imobiliários (Lateral)
1Farma (Lateral)
Dra Patrícia Queiroz (Lateral)
Arrumadinho (Lateral)
BestNet (Lateral)
House Club (Lateral)
Sam’s Sushi (Lateral)
Centrus (Lateral)
RC Tecidos (Lateral)
Cabeça Gesso (Lateral)
Moura & Lima (Lateral)
Mandacaru Açaiteria (Lateral)
Val Games (Lateral)
João Januário Tecidos (Lateral)
Bahia Ferragens (Lateral)
Vitta (Lateral)
Sign Digital (Lateral)
JCL (Lateral)
Altas Horas (Lateral)
Auto Planos (Lateral)
Rede Ponto Com (Lateral)
Totali (Lateral)
M Mestre Empreendimentos (Lateral)
Mateus Assistência (Lateral)
Moda Center (Lateral)
Stylus Óculos (Lateral)
Integra Mais (Lateral)
Cetias (Lateral)
Kits Elásticos (Lateral)
Athom (Lateral)
Aplicativo