Cultura Remoinho leva nove prêmios no 14º Curta Taquary

Remoinho leva nove prêmios no 14º Curta Taquary


Festival divulgou os vencedores da edição de 2021.

Uma ficção de 12 minutos sobre a história de Maria, que após um longo período, retorna à casa de sua mãe decidida a sair do remoinho que a fez voltar, foi o grande vencedor do 14º Festival de Curtas de Taquaritinga do Norte, o Curta Taquary. Os melhores foram divulgados na noite desta segunda (22), no encerramento do festival.

O filme fez parte da Mostra Dalia da Serra e venceu em nove, das 12 categorias: Melhor Trilha Sonora, Som, Direção de Arte, Edição, Direção de Fotografia, Roteiro, Direção, Atriz e Filme. O Curta E Agora Você levou nas categorias Melhor Cartaz e Ator, e na categoria Melhor Figurino venceu Jamakaru.

Em todas as oito mostras competitivas, foram eleitos os melhores trabalhos em 12 categorias. Mas teve mais premiação. O júri da Crítica escolheu o melhor curta de cada uma das mostras competitivas. Três filmes receberam Menção Honrosa: A Mulher que Me Tornei na Mostra Diversidade; Os Dias com Você na Mostra Universitária e Jamakaru, na Mostra Dália da Serra.

A comissão julgadora é formada por 12 profissionais ligadas ao cinema, seja na realização ou no âmbito da educação. No júri da crítica outros dez analisaram os trabalhos. Mas, outras pessoas sem esse olhar mais de cineasta também fizeram escolhas.

Júri Popular – Quem assistia aos curtas podia avaliar o filme e assim eleger o melhor filme do Júri Popular. O curta mais bem avaliado foi Yaõkwa, Imagem e Memória. É um documentário que mostra os índios Enawenê Nawê, durante quinze anos, em registros do Yaõkwa, um longo ritual.

Educadoras e educadores de escolas públicas de Pernambuco, Paraíba e Ceará elegeram os trabalhos mais alinhados à sala de aula com o Prêmio Por um Mundo Melhor. Nossas Mãos São Sagradas e Nossa Floresta foram os escolhidos e receberam, respectivamente, prêmios em serviço de finalização e pós produção de filmes.

De dia 16 a 22 de março os 72 curtas selecionados para o Festival deste ano ficaram disponíveis com acesso livre no portal do evento. Mas, em janeiro já teve programação com a realização da formação DocLab – Laboratório de Realização de Documentários que teve encontros virtuais e a produção de três documentários, apresentados durante o festival. O evento também contou com debates do 4º Encontro de Cinema e Educação e com realizadores de filmes. “Estamos felizes por termos conseguido com êxito realizar todo o projeto da melhor forma possível, mesmo nesse período pandêmico”, disse o coordenador do festival Alexandre Soares

Veja a relação completa dos vencedores
https://curtataquary.com.br/premiacao-14o-curta-taquary/

MOSTRA BRASIL

Melhor Cartaz: Ser Feliz no Vão
Melhor Figurino: O Jardim Fantástico, por Anne Cerutti
Melhor Direção de Arte: Nimbus, por Antônio Oliveira, Antônio Domingos, Daniele Santana e Débora Ferro
Melhor Trilha Sonora: Nimbus, por Carlinhos Borges, Diego Santana e Thiago Hoover
Melhor Som: O Jardim Fantástico, por Gustavo Nascimento e Fábio Baldo
Melhor Edição: Ser Feliz no Vão, por Lucas H. Rossi dos Santos e Valéria Mauro
Melhor Fotografia: O Jardim Fantástico, por Ivan Rodrigues
Melhor Roteiro: Yaõkwa, Imagem e Memória
Melhor Atriz: Zahy Guajajara, por O Jardim Fantástico
Melhor Ator: Luiz Felipe Jesus, por O Jardim Fantástico
Melhor Direção: Matheus Farias e Enock Carvalho, por Inabitável
Melhor Filme: Ser Feliz no Vão, de Lucas H. Rossi dos Santos (RJ)

MOSTRA DIVERSIDADE

Melhor Cartaz: A Mulher que me Tornei
Melhor Figurino: Ela que Mora no Andar de Cima, por Gui Almeida
Melhor Direção de Arte: De Vez em Quando Eu Ardo, por Nara Sbreebow
Melhor Trilha Sonora: Ela que Mora no Andar de Cima, por Bruno Mad
Melhor Som: De Vez em Quando Eu Ardo, por Leo Bortolin, Giovanna Duarte de Castro, Nelci José de Castro, Nemer José de Castro e Vincent Arnardi
Melhor Edição: Café com Rebu, por Diego Benevides
Melhor Fotografia: De Vez em Quando Eu Ardo, por Clovis Cunha
Melhor Roteiro: Café com Rebu, escrito por Danny Barbosa
Melhor Atriz: Danny Barbosa, por Café com Rebu
Melhor Ator: Gabriel Motta, por Dois Homens ao Mar
Melhor Direção: Danny Barbosa, por Café com Rebu
Melhor Filme: Café com Rebu, de Danny Barbosa

*Menção Honrosa: A Mulher que me Tornei, de Luciana Oliveira e Manoela Veloso Passos (SE); pela construção de um ambiente muito particular e ao mesmo tempo universal na vida de muitas mulheres que vivenciam a maternidade sem rótulos, desconstruindo a romantização imposta pela sociedade.

CURTAS FANTÁSTICOS

Melhor Cartaz: Colônia Horror
Melhor Figurino: Nada de Bom Acontece Depois dos 30, por Vanessa Marques
Melhor Direção de Arte: Arapucas, por Débora Correa
Melhor Trilha Sonora: Arapucas, por Dan Bariani
Melhor Som: O Prazer de Matar Insetos, por Caio Vasconcelos
Melhor Edição: Nada de Bom Acontece Depois dos 30, por Lucas Vasconcelos
Melhor Fotografia: Arapucas, por Marcelo Kamenach
Melhor Roteiro: Nada de Bom Acontece Depois dos 30, escrito por Lucas Vasconcelos
Melhor Atriz: Rosa Iranzo, por O Prazer de Matar Insetos
Melhor Ator: Pedro Nercessian, por Nada de Bom Acontece Depois dos 30
Melhor Direção: Matheus Gepeto, por Destino
Melhor Filme: Nada de Bom Acontece Depois dos 30, de Lucas Vasconcelos (RJ)

MOSTRA CRIANCINE

Melhor Cartaz: Foguete
Melhor Figurino: O Menino e o Ovo, por Alexander Pedroso e Karine Queiroz
Melhor Direção de Arte: O Menino e o Ovo, por Joel Gatto e Raphael Henrique Costa Silva
Melhor Trilha Sonora: Ciclos da Vida
Melhor Som: O Menino e o Ovo, por Thiago Miagui e Alexandre Rogoski
Melhor Edição: Dádiva, por Rodrigo Sousa
Melhor Fotografia: Ciclos da Vida, por Thiago Bresani
Melhor Roteiro: O Menino e o Ovo, escrito por Juliana Capilé
Melhor Atriz: Maria Luíza Tozato, por O Menino e o Ovo
Melhor Ator: Marcelo Pelucio, por Foguete
Melhor Direção: Juliana Capilé, por O Menino e o Ovo
Melhor Filme: Dádiva, de Evelyn Santos (SP)

MOSTRA PRIMEIROS PASSOS

Melhor Cartaz: Transetropical
Melhor Figurino: Pausa para o Café, por Gisele Machado
Melhor Direção de Arte: Vai Melhorar, por Michele Dalpasqual
Melhor Trilha Sonora: Pega de Boi no Sertão, por Miguel Salvador
Melhor Som: Aquela Mesma Estação, por Luiz Lepchak
Melhor Edição: Aquela Mesma Estação, por Aristeu Araújo
Melhor Fotografia: Pega de Boi no Sertão, por Miguel Salvador
Melhor Roteiro: Vai Melhorar, escrito por Pedro Fiuza
Melhor Atriz: Cássia Damasceno, por Vai Melhorar
Melhor Ator: Luiz Lepchak, por Aquela Mesma Estação
Melhor Direção: Tamiris Tertuliano, por Pausa para o Café
Melhor Filme: Vai Melhorar, de Pedro Fiuza (RN)

MOSTRA DÁLIA DA SERRA

Melhor Cartaz: E Agora, Você, por Edson Lemos Akatoy
Melhor Figurino: Jamakaru, por Zac Lewis e Cecília Novaes
Melhor Direção de Arte: Remoinho, por Sarah Cristinne
Melhor Trilha Sonora: Remoinho, por Wanderson Mendonça
Melhor Som: Remoinho, por Hipólito Lucena e Dayane Araújo
Melhor Edição: Remoinho, por Tiago A. Neves
Melhor Fotografia: Remoinho, por Erik Clementino
Melhor Roteiro: Remoinho, escrito por Tiago A. Neves
Melhor Atriz: Cely Farias, por Remoinho
Melhor Ator: Leonardo Alan, por E Agora, Você
Melhor Direção: Tiago A. Neves, por Remoinho
Melhor Filme: Remoinho, de Tiago A. Neves (PB)

*Menção Honrosa: Jamakaru, de Coletivo Cinema no Interior (PE); pelo grande empenho apresentado na produção do filme, o envolvimento da comunidade e de trazer à tona simbologias dos povos ancestrais e originários.

MOSTRA UNIVERSITÁRIA

Melhor Cartaz: Egum
Melhor Figurino: Egum, por Fernanda Cunha e Juliano Viana
Melhor Direção de Arte: Egum, por Beatriz Almeida e Yuri Costa
Melhor Trilha Sonora: A Mata que Respiro, por Humberto Assis Cirqueira e César David Rodriguez Pulido
Melhor Som: Construção, por Arthur Amaral e Otávio Vassão
Melhor Edição: Construção, por André Berzagui e Arthur Amaral
Melhor Fotografia: Construção, por Gianluca Cozza
Melhor Roteiro: Egum, escrito por Yuri Costa
Melhor Atriz: Valéria Monã, por Egum
Melhor Ator: Paulo Guidelly, por Egum
Melhor Direção: Leonardo da Rosa, por Construção
Melhor Filme: Construção, de Leonardo da Rosa (RS)

*Menção Honrosa: Os Dias com Você, de Letícia Cristina e Luan Santos (SP); pela abordagem e o uso de dispositivos tecnológicos para falar da saudade em tempos pandêmicos.

MOSTRA LATINO-AMERICANA

Melhor Cartaz: Amucha
Melhor Figurino: Amucha
Melhor Direção de Arte: Amucha, por Francisca Celume e Tomás O’ryan Barros
Melhor Trilha Sonora: Vozes das Montanhas Sagradas, por Mikael Hegelund Martinsen
Melhor Som: Puri, El Camino del Agua, por Pedro Santa Cruz
Melhor Edição: Ramón, por Giselle Geney
Melhor Fotografia: Amucha, por Mateo Barrenegoa Lecannelier
Melhor Roteiro: Amucha, escrito por Mariela Córdova
Melhor Atriz: Helena Sánchez Contreras, Andrea Contreras Riffart, Margarita Cuminao Monsalve, Catarina Barros Ballontin e Pia Barraza, por Amucha (elenco de animadoras das marionetes)
Melhor Ator: José Ramón, por Ramón
Melhor Direção: Jesús Sánchez Fuentes, por Amucha
Melhor Filme: Amucha, de Jesús Sánchez Fuentes (Chile)

JÚRI DA CRÍTICA

Mostra Criancine: Ciclos da Vida, de Soledad Garcia e Thiago Bresani (DF)
Mostra Primeiros Passos: Vai Melhorar, de Pedro Fiuza (RN)
Mostra Dália da Serra: E Agora, Você, de Edson Lemos Akatoy (PB)
Mostra Universitária: Letícia, Monte Bonito, 04, de Julia Regis (RS)
Menção Honrosa | Mostra Universitária: Egum, de Yuri Costa (RJ)
Mostra Latino-Americana: Vozes das Montanhas Sagradas, de Fernando Cola (Colômbia/Argentina/Dinamarca)
Mostra Diversidade: Café com Rebu, de Danny Barbosa (PB)
Mostra Curtas Fantásticos: O Prazer de Matar Insetos, de Leonardo Martinelli (RJ)
Mostra Brasil: Inabitável, de Enock Carvalho e Matheus Farias (PE)

PRÊMIO JÚRI POPULAR
*Prêmio de Finalização da Post Frontier

Melhor Filme: Yaõkwa, Imagem e Memória, de Rita Carelli e Vincent Carelli (PE)

PRÊMIO POR UM MUNDO MELHOR
Formado por educadoras e educadores de escolas públicas de Pernambuco, Paraíba e Ceará

Nossas Mãos São Sagradas, de Júlia Morim
*Prêmio de Acessibilidade Comunicacional

Nossa Floresta, de Mirna Karina e Mariana Caselli
*Prêmio de Finalização da Mistika

Jefferson Felipe 23 mar 2021 - 11:46m

0 Comentários

Deixe uma resposta


Império dos Camarões (Grande)
Clim Center (Grande)
RC Tecidos (Grande)
More Love (Grande)
JCL (Grande)
Acqua Pet Capibaribe (Grande)
Farma Fácil (Grande)
Cuscuz da Moda (Grande)
Bezerra Poços (Grande)
Instituto Olavo Bilac (Grande)

Arrumadinho (Grande)
Cabeça Gesso (Grande)
Localiza Moda (Grande)
Lis Bambini
Instituto Olavo Bilac (Grande)
Alan Vidros (Grande)
Simone Joias (Grande)
Dr. Leonardo Brito
Unicesumar EAD (Grande)
Design Riscos (Grande)

VÍDEO EM DESTAQUE

Real Tags e Etiquetas (Lateral)
Clim Center (Lateral)
More Love (Lateral)
Caruaru da Sorte (Grande)
Cuscuz da Moda (Lateral)
Império dos Camarões
Sign Digital (Lateral)
Localiza Moda (Lateral)
JCL (Lateral)
Richard Martyns (Lateral)
VRC College (Lateral)
Moda Center (Lateral)
Agreg Comunicação (Lateral)
Unicesumar Santa Cruz (Lateral)
Instituto Olavo Bilac (Lateral)
Simone Joias (Lateral)
Escolinha Geração XXI (Lateral)
Immobilis (Lateral)
HB Joias e Relógios (Lateral)
RC Tecidos (Lateral)
Academia Saúde e Forma (Lateral)
Autoescola Nossa Senhora das Graças (Lateral)
Val Games (Lateral)
Tintas Quimilson (Lateral)
Alan Vidros (Lateral)
Dr. Leonardo Brito (Lateral)
BestNet (Lateral)
Clínica Vitta (Lateral)
Lis Bambini (Lateral)
House Club (Lateral)
Acqua Pet Capibaribe (Lateral)
Design Riscos (Lateral)
Aplicativo