Economia Ex-prefeito Edson Vieira deixa débitos milionários para atual gestão, detalha Fábio Aragão

Ex-prefeito Edson Vieira deixa débitos milionários para atual gestão, detalha Fábio Aragão


O prefeito Fábio Aragão (PP) promoveu, na tarde desta sexta-feira (08), uma live no Instagram expondo alguns débitos que a prefeitura possui atualmente. O progressista disse que a cidade está no caos financeiro.

No início, o prefeito exibiu as contas de internet de R$ 6 mil, relativas aos meses de novembro e dezembro. A internet é fornecida pela empresa Brisanet. Segundo Fábio, a empresa ameaçou cortar o fornecimento caso a dívida não seja quitada.

Em seguida, exibiu os débitos com a empresa Vialim, que atua na coleta de lixo. Ao todo, a prefeitura deve R$1.792.729,85, relativo a diversos períodos.

Fábio também destacou os débitos com a Celpe. De acordo com ele, a antiga gestão negociou com a companhia o parcelamento da dívida de R$1,4 milhão, que deve ser paga em 36 meses. O prefeito disse que procurará a empresa para tratar sobre o assunto.

O prefeito ainda exibiu a situação financeira de duas secretárias e da própria prefeitura. A Secretaria Municipal de Educação, no dia 31, possuia em caixa R$119 mil e um débito de R$2,1 milhões, relativo a pagamento de salários e outras despesas.

Na Secretaria Municipal de Saúde a situação também é negativa. A pasta vice-campeã em gastos em 2020 possui em caixa R$ 9,1 mil e um débito de R$ 1,7 milhão.

De acordo com Fábio, nas contas da prefeitura há R$27 mil, mas a sede está com uma dívida de R$325 mil. O prefeito reclama da dificuldade de acessar as contas bancárias do município, sem ter acesso às senhas, e diversos outros dados.

Pela manhã, o prefeito e a equipe econômica se reuniram com representantes de servidores municipais que pedem o pagamento dos salários atrasados.

“Eu só quero pedir a população de Santa Cruz que tenham paciência. Eu estou nesta situação aqui. Eu queria pegar uma prefeitura zerada, pra nós começarmos a nossa gestão de uma maneira limpa, honesta e pagando em dia”, disse. “Nós estamos aqui com servidores na nossa porta, pais de família, mães de famílias. Eu sei que vocês precisam comprar seu pão, pagar suas contas, seus alugueis, cartão de crédito, mas a situação atual é essa”, concluiu.

Santa Cruz do Capibaribe no CAUC

Fábio Aragão exibiu documentos que mostram que o município de Santa Cruz do Capibaribe está com o nome sujo no Sistema Auxiliar de Informações para Transferências Voluntárias (CAUC). O prefeito explicou a função do CAUC como sendo uma espécie de Serasa.

Com isso, o município fica impedido de receber repasses federais, como emendas parlamentares. Fábio citou uma emenda de R$ 2 milhões que tentou ser enviada recentemente para Santa Cruz mas foi impedida por este mecanismo.

Veja o vídeo da live:

Marcelo Melo Ramos 08 jan 2021 - 17:25m

0 Comentários

Deixe uma resposta


RC Tecidos (Grande)
JCL (Grande)
Império dos Camarões (Grande)
Clim Center (Grande)
Immobilis Negócios Imobiliários
Cetias (Grande)
Farma Fácil (Grande)
Bezerra Poços (Grande)

Cabeça Gesso (Grande)
JCL (Grande)
Polo da Moda Campina (Grande)
Real Tags e Etiquetas (Grande)
Jasfac (Grande)
Vitta (Grande)
Lis Bambini
Arrumadinho (Grande)
Design Riscos (Grande)
Dr. Leonardo Brito