Cultura Secretário de Turismo de Pernambuco diz esperar que a situação esteja normal no São João de 2021

Secretário de Turismo de Pernambuco diz esperar que a situação esteja normal no São João de 2021


O secretário de turismo de Pernambuco concedeu uma entrevista coletiva online nessa terça-feira (22). Rodrigo Novaes falou sobre a situação do turismo no estado, os impactos da pandemia e as expectativas para o futuro.

Em 2020, toda a cadeia de turismo no estado de Pernambuco foi prejudicada por causa da pandemia de Covid-19. Na comparação entre 2019 e 2020, a quantidade de passageiros que passou pelos terminais do Aeroporto Internacional do Recife despencou em 47%. Nesse período, o terminal recifense recebeu cerca de 4 milhões de passageiros, contra os 7,9 milhões que passaram em 2019.

Segundo Novaes, estão ocorrendo aumentos graduais na retomada dos passageiros e da ocupação da rede hoteleira. O secretário citou três cidades que estão com mais reservas para o feriado do Natal: Bezerros (110%), Garanhuns (81%) e Ilha de Itamaracá (80%), comparando com 2019.

Para o Réveillon, os lugares que contam com o maior número de reservas são Bezerros, Bonito e Itamaracá.

“Se Deus abençoar e não tivermos alguma coisa imprevisível em 2021, as pespectivas são melhores para o próximo ano. Esperamos ter uma operação parecida com 20% a 30% a menos do que ocorria antes da pandemia”, disse.

Carnaval

Na semana passada, o governo de Pernambuco cancelou a maior festa popular do estado, o carnaval. A festa foi suspensa para evitar aglomerações e uma nova onde de infecções.

Em 2020, o poder público investiu cerca de R$ 35 milhões para a realização da festa, que trouxe para Pernambuco uma injeção de mais de R$ 2,3 bilhões. O retorno foi 17% a mais na comparação com 2019.

“Sabemos que o prejuízo por causa da suspensão do Carnaval. Mas a nossa expectativa é de que as pessoas não deixem de viajar para o litoral e ao interior”, comentou.

São João

O governo do Estado espera intensificar o calendário cultural após o processo de vacinação da população.

“A vacinação é o X da questão. A nossa intenção é fazer um resgate do calendário cultural depois da vacina. Teremos a semana Santa e na festa junina esperamos estar numa situação normal”, afirmou Novaes.

Em 2020, as celebrações religiosas da semana santa só puderam acontecer de modo virtual, devido ao isolamento social imposto no período. Em junho, os eventos do São João foram cancelados também devido a pandemia.

Marcelo Melo Ramos 23 dez 2020 - 16:39m

0 Comentários

Deixe uma resposta


Império dos Camarões (Grande)
JCL (Grande)
Cetias (Grande)
Farma Fácil (Grande)
Immobilis Negócios Imobiliários
RC Tecidos (Grande)
Clim Center (Grande)
Bezerra Poços (Grande)
Instituto Olavo Bilac (Grande)

Arrumadinho (Grande)
Cabeça Gesso (Grande)
Dr. Leonardo Brito
Unicesumar EAD (Grande)
Instituto Olavo Bilac (Grande)
Alan Vidros (Grande)
Lis Bambini
Real Tags e Etiquetas (Grande)
Polo da Moda Campina (Grande)
Design Riscos (Grande)

VÍDEO EM DESTAQUE

HB Joias e Relógios (Lateral)
Lis Bambini (Lateral)
RC Tecidos (Lateral)
Escolinha Geração XXI (Lateral)
Dr. Leonardo Brito (Lateral)
Academia Saúde e Forma (Lateral)
Tintas Quimilson (Lateral)
Sign Digital (Lateral)
House Club (Lateral)
Real Tags e Etiquetas (Lateral)
Immobilis (Lateral)
Império dos Camarões
VRC College (Lateral)
Clim Center (Lateral)
Moda Center (Lateral)
Design Riscos (Lateral)
Instituto Olavo Bilac (Lateral)
JCL (Lateral)
Polo da Moda de Campina Grande (Lateral)
Clínica Vitta (Lateral)
Simone Joias (Lateral)
Alan Vidros (Lateral)
Val Games (Lateral)
BestNet (Lateral)
Autoescola Nossa Senhora das Graças (Lateral)
Unicesumar Santa Cruz (Lateral)
Aplicativo