Economia Produtos da ceia de Natal estão 7,8% mais caros, segundo levantamento

Produtos da ceia de Natal estão 7,8% mais caros, segundo levantamento


Um levantamento feito pela Federação do Comércio de Pernambuco (Fercomércio-PE), realizando a partir de dados do Índice de Preços ao Consumidor Amplo, do IBGE, mostra um aumento no preço dos produtos mais consumidos durante o período natalino. O indicador aponta que a alta nos preços dos produtos da ceia é maior que a previsão da inflação para o periodo (4%), acumulando um aumento de 7,8%.

Segundo especialistas, a alta dos preços podem está ligada a alguns fatores. O recebimento do 13° salário, que injetou cerca de R$ 6 bilhões na economia, o auxílio emergencial, que apesar do corte, ajudou a aumentar o consumo das famílias e o aumento da renda com o retorno progressivo da economia podem está relacionados a esse aumento.

A politica de câmbio também influencia no aumento de preços. A desvalorização do real e o dólar alto encarece produtos que são importados e consumidos pelos brasileiros.

Além dos alimentos, o preços de presentes também estão mais altos. Segundo a pesquisa, entre os produtos que estão mais caros, estão joias e bijuterias, bicicletas, TV’s, sons e produtos relacionados a informática.

Marcelo Melo Ramos 11 dez 2020 - 9:08m

0 Comentários

Deixe uma resposta


Immobilis Negócios Imobiliários
Cetias (Grande)
Clécia Lima (Grande)
Bezerra Poços (Grande)
JCL (Grande)
Clim Center (Grande)
Império dos Camarões (Grande)
Altas Horas Outlet (Grande)
Farma Fácil (Grande)
RC Tecidos (Grande)

Arrumadinho (Grande)
Simone Joias (Grande)
Design Riscos (Grande)
Real Tags e Etiquetas (Grande)
Vitta (Grande)
Lis Bambini
Alan Vidros (Grande)
JCL (Grande)
Dr. Leonardo Brito
Clécia Lima (Grande)