Jadiel Mestre - Segurança & Tecnologia O Mestre Explica: Como será nossa profissão pós-pandemia?

O Mestre Explica: Como será nossa profissão pós-pandemia?


Fazendo uma reflexão de como serão as atividades que desempenhos após o período da pandemia da COVID-19, será que as atividades que desenvolvemos como profissional terão mudanças? Como podemos lidar com estas mudanças que parecem ser tão novas e repentinas? Estamos preparados para este contexto?

Pois bem, fazendo uma viagem pela nossa história, podemos perceber que estas mudanças que ocorrem na nossa profissão não são novas, porém são mais drásticas e acentuadas após um período de Revolução, e só conseguimos ver no momento que precisamos mudar. Fazendo uma análise mais profunda no contexto da relação entre trabalho, tecnologia e historia, podemos entender que este processo é cíclico e a cada dia mais constante e rápido. Geralmente colocamos a culpa no fim das vagas de emprego ou mudanças de forma de trabalho na tecnologia pois após a globalização do ano 2000 ficou mais acentuado. Trazendo alguns fatos históricos podemos entender esta relação. Em 1804 em meados da Revolução Francesa, o francês Joseph Jacquar criou o tear mecânico, uma máquina que melhorava o processo de tecelagem do fio para composição de tecidos, gerando então uma revolta nos tecelões da época que passariam a ter as vagas de emprego reduzidas por esta modernidade. Não muito distante mas ocorrido da mesma forma podemos analisar a Revolução Industrial, trazendo a era das maquinas, dando a impressão do fim da mão de obra humana.

Nos dias atuais, do nosso mundo moderno, eu pergunto: Quantas profissões foram extintas? Quantas novas foram criadas? Como entender e preparar para esta mudança?

Da mesma forma das fatos mostrados acima, estas mudanças na profissão permanecem e permanecerão ocorrendo. Há profissões que passaram por uma evolução como exemplo a profissão do Datilógrafo, que era o profissional com habilidades para usar a máquina de escrever, e com a modernidade migrou para o Digitador, que na sua essência a atividade fim permanece a mesma, o teclado permanece o mesmo, a técnica de digitação permanece inalterada, porém este profissional precisou se adequar as mudanças e ter que se capacitar, migrando para o curso de Operador de Microcomputador, precisou aprender a usar o editor de texto par continuar exercendo sua profissão, consequentemente os que não acompanharam ficaram fora deste mercado. Mas também temos as profissões e áreas que foram extintas como podemos citar como exemplo as locadoras de VHS e DVD, foram transformadas em locadoras digitais com NETFLIX, YOUTUBE, AMAZON PRIME, GLOBOPLAY, etc. As lojas de comercialização de VINIL, K7, CD e DVD que foram transformadas em aplicativos como SPOTFY dentre outras. Vale salientar mais uma vez que sua essência permanece a mesma. TECNOLOGIA NÃO CRIA NADA NOVO, APENAS EVOLUÇÃO DO QUE JÁ EXISTE. Já parou pra pensar quais ferramentas serão migradas para o digital? Já identificou que os livros tendem a ser digital, que o dinheiro físico estão com os dias contados?

Gostaria de deixar uma reflexão que sempre compartilho com meus alunos da faculdade: Aproveitem para descobrir qual é ou será a suar área de atuação quanto profissional, analisem a sua escolha para qual caminho ela migrará em um futuro próximo e se qualifiquem para a chegada da modernidade, verifiquem se há uma perspectiva de que sua profissão existirá no futuro e rumem em busca do conhecimento para atender este futuro. 

Muitas profissões foram extintas, porém muitas estão e serão criadas.

A única forma de estarmos permanentes no mercado de trabalho é através da Educação e da Qualificação Profissional. Nenhuma profissão que exija pensamento humano será extinta, pois por mais moderna que seja a tecnologia, jamais vai superar a capacidade humana de pensar e se adaptar as mudanças e situações.

Prof. Jadiel Mestre

Entusiasta e apaixonado por Tecnologia.

Bel. em Sistemas de Informação

Esp. em Redes Convergentes

Especializando em Computação Forense e Perícia Digital.

Diretor da Mestre e Associados Consultoria Digital.

Membro da ANPPD – Associação Nacional dos Profissionais de Privacidade de Dados.     

Bruno Muniz 07 jul 2020 - 19:07m

0 Comentários

Deixe uma resposta


Altas Horas Outlet (Grande)
Império dos Camarões (Grande)
RC Tecidos (Grande)
Dra. Palloma Santana (Grande)
Immobilis Negócios Imobiliários
Cetias (Grande)
Clim Center (Grande)
Máscara Cristal (Grande)
Sollaris Energy (Grande)

Larissa Marques (Tô na Fono)
Jasfac (Grande)
Lis Bambini
Best Net
Unicesumar EAD
New Corte
Alan Vidros (Grande)
Cabeça Gesso (Grande)
Real Tags e Etiquetas (Grande)
Vitta (Grande)