Destaques Hotéis e pousadas de Santa Cruz do Capibaribe registram bom fluxo de comerciantes após semanas

Hotéis e pousadas de Santa Cruz do Capibaribe registram bom fluxo de comerciantes após semanas


Desde que a quarentena foi estabelecida em todo o estado de Pernambuco, diversos segmentos comerciais da cidade de Santa Cruz do Capibaribe sofreram os diretos impactos no âmbito econômico. Além de preocupação com a saúde dos moradores, as autoridades passaram também a temer pela economia local que basicamente gira entorno da confecção.

Com o passar dos dias, as autoridades viram a necessidade de flexibilizar e dinamizar a comercialização por parte de estabelecimentos tidos como essenciais para produção têxtil, como armarinhos e lojas de tecidos. Além disso, foi implantado, na última semana, um cronograma para entrega e embarque de mercadorias vendidas pelos meios digitais.

Apesar de alguns transtornos nesse contexto de entregas, boa parte dos comerciantes aprovou a medida e muitos produtos saíram da cidade por meio do novo sistema de entrega através de transportadoras. Vale ainda destacar que os Correios, apesar da alta demanda de procura pelos seus serviços, também tem desempenhado importante papel quando o assunto é o envio de mercadorias para outros estados.

Hotelaria

Um dos segmentos muito afetado foi justamente o de hospedaria, já que sem comércio aberto – inclusive o Moda Center – não havia demanda de check-ins no município. Essa realidade mudou desde a última semana com a flexibilização das entregas de mercadorias. Essa semana o Blog do Bruno Muniz apurou que boa parte dos hotéis e pequenas pousadas situadas às margens da rodovia PE-160 registraram considerável ocupação pela primeira vez em semanas.

De acordo com registros, a ocupação em alguns dos estabelecimentos é de 85% das acomodações. Gerentes de unidades de hospedaria informaram ainda ao Blog no ato de repasse de dados que todas as medidas de prevenção ao contágio do coronavírus estão sendo tomadas, inclusive com disponibilização de álcool em gel e máscaras para os hóspedes.

Comércio ainda fechado

O mais recente decreto do Governo de Pernambuco sustenta o fechamento do comércio até a metade deste mês de maio, podendo ainda ser estendido até o final do mês. A adoção de uma nova prorrogação pode ocorrer com base em dados coletados ao longo dos próximos quinze dias. Isso no âmbito do número de casos de Covid-19 registrados, número de curados e número de mortos.

Jefferson Felipe 04 maio 2020 - 8:19m

2 Comentários

  • Junior Fabio da costa disse:

    Hotéis lucrando e a população correndo grande risco de ser infectado.
    O povo pensando em dinheiro em primeiro lugar.
    E a vida fica onde, pensar em viver

  • Ademilson Alves Da Silva disse:

    E se não tiver dinheiro vai ficar com fome, é uma faca de dois gumes. ( infelizmente )

Deixe uma resposta


Império dos Camarões (Grande)
Instituto Olavo Bilac (Grande)
Cetias (Grande)
Bezerra Poços (Grande)
RC Tecidos (Grande)
Clim Center (Grande)
JCL (Grande)
Farma Fácil (Grande)
Immobilis Negócios Imobiliários

JCL (Grande)
Polo da Moda Campina (Grande)
Arrumadinho (Grande)
Vitta (Grande)
Simone Joias (Grande)
Real Tags e Etiquetas (Grande)
Cabeça Gesso (Grande)
Jasfac (Grande)
Instituto Olavo Bilac (Grande)
Design Riscos (Grande)