Destaques Situação de barragens em Pernambuco preocupa

Situação de barragens em Pernambuco preocupa


A ocorrência de chuvas fortes no Agreste e no Sertão do Estado, nos últimos dias, resultou em transbordamentos e risco de rompimento de algumas barragens. O alerta foi feito, na Reunião Plenária desta quarta (8), pelos deputados Romero Sales Filho (PTB), Antônio Moraes (PP) e Doriel Barros (PT), que também trataram de outros temas durante pronunciamentos no Pequeno Expediente.

Barragem de Ipanema, Águas Belas – Pernambuco – Foto: Divulgação

O reservatório de Ipanema, em Águas Belas (Agreste), é um dos equipamentos nessa situação, apontou Sales Filho.

“Há alguns dias, a represa, cuja capacidade é de 1,12 milhão de metros cúbicos, está transbordando e a prefeitura começou a retirar as famílias das áreas ribeirinhas”, relatou. Em Afogados da Ingazeira (Sertão), uma barragem cedeu e encheu o riacho do bairro Borges, derrubando casas e pontes, deixando a cidade ilhada.

Ele ainda mencionou o rompimento da represa de Zumbi, em Arcoverde, também no Sertão.

“A água atingiu os municípios de Águas Belas (PE) e Santana do Ipanema (AL). De acordo com a Defesa Civil do nosso Estado, o impacto e o número de vítimas ainda não foram contabilizados”, observou Sales Filho, que foi relator da Comissão Especial das Barragens da Alepe, no ano passado, e apontou irregularidades em vários reservatórios visitados no documento final, entregue ao Governo do Estado. O petebista ainda elogiou ações da Prefeitura de Ipojuca no enfrentamento da pandemia de Covid-19: “Foi criado o Benefício Eventual Municipal (BEM) para os trabalhadores informais, que passarão a receber R$ 500 por mês”.

Antônio Moraes, que presidiu a Comissão das Barragens, registrou haver cerca de 120 equipamentos abandonados ou sem utilidade no Estado, o que torna os trabalhos de acompanhamento e manutenção ainda mais difíceis. Ele defendeu a articulação de autoridades municipais e estaduais para a elaboração de um plano de segurança dessas estruturas.

“É preciso pensar em caminhos para evitar tragédias durante este período de inverno rigoroso no Sertão”, acredita.

O deputado do PP ainda comentou o caso de uma vítima de Covid-19 sepultada no município de Macaparana (Mata Norte), sem os devidos cuidados para evitar a disseminação do vírus. Segundo ele, a confirmação da causa da morte foi posterior ao velório, que reuniu muitas pessoas.

“Sabemos que o resultado dos exames pode levar 24 ou 48 horas para ser liberado. Por isso, peço que os hospitais e a Secretaria Estadual de Saúde sejam mais rigorosos nos casos em que houver dúvida sobre a causa da morte, orientando sobre os cuidados necessários para não colocar mais pessoas em risco”, pontuou.

Doriel Barros agradeceu a solidariedade dos colegas diante das enchentes em Águas Belas e informou estar em diálogo com as autoridades estaduais sobre o risco de rompimento na barragem de Ipanema.

“Estamos todos preocupados com o possível rompimento da represa, mas o Governo do Estado está dando toda a atenção possível ao problema”, observou.

O parlamentar aproveitou o pronunciamento para lançar duas propostas de enfrentamento à pandemia: a suspensão da cobrança de parcelas da dívida do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) dos pequenos agricultores, pelo Governo Federal; e a isenção do pagamento de energia elétrica para pessoas de baixa renda, pelo Estado.

“A conta de luz representa um custo muito alto para essas famílias, por isso a importância da medida”, salientou.

Bruno Muniz 15 abr 2020 - 17:41m

0 Comentários

Deixe uma resposta


Novo Atacarejo (Grande)
João Januário Tecidos (Grande)
Valloriza / Jasfac
1Farma (Grande)
Total (Grande)
APAE (Grande)
Mateus Assistência (Grande)
JCL (Grande)
Integra Mais (Grande)

Novo Atacarejo (Grande)
Luciana Mendes (Grande)
Mandacaru Açaíteria (Grande)
APAE (Grande)
Sistemax (Grande)
Moura & Lima (Grande)
Kits Elásticos (Grande)
Moda Center (Grande)
Altas Horas Outlet (Grande)
RC Tecidos (Grande)