Destaques Caso de criança ferida em creche de Santa Cruz do Capibaribe está sendo investigado

Caso de criança ferida em creche de Santa Cruz do Capibaribe está sendo investigado


Secretário de Educação lamentou o ocorrido e disse acreditar em fatalidade.

Foto: Divulgação

O caso envolvendo uma criança pequena registrado na última terça-feira (03) em Santa Cruz do Capibaribe está gerando uma série de polêmicas na cidade. Na ocasião, a menor teria sido entregue a mãe no final do dia, na creche Teresinha Figuerôa, já com os ferimentos. Diante do caso a mãe da criança registrou um boletim de ocorrência por ter constatado, ao invés de exame médico, que a criança sofreu pelo menos quatro ferimentos.

“Quando eu cheguei as professoras informaram que precisavam conversar comigo. Eu entrei dentro da sala e peguei minha filha e já percebi o hematomas no rosto e no braço. Aí elas contaram que na troca de turno a auxiliar estava sozinha com quinze crianças na sala e que uma delas teria feito necessidades e que ela teria que trocar a fralda da criança. Nisso ela deixou as outras desassistidas, e nesse intervalo uma das crianças agrediu minha bebê com mordidas, mordeu no braço e no rosto. Eu fiz o exame traumatológico e o médico falou que no mínimo ela teria levado quatro mordidas. Eu acho que se ela (cuidadora) estivesse perto teria dado tempo na primeira mordida ela socorrer minha menina”, afirmou a mãe da vítima.

A mãe da criança ainda alegou que existem muitas crianças para poucas cuidadoras nas salas da referida creche, sendo neste caso uma problemática a atenção para com todos os alunos. O secretário afirmou que a quantidade de alunos por salas na creche está dentro dos limites permitidos e recomendados pelo MEC.

“Enquanto Secretaria Municipal de Educação nós vamos estar a disposição da família, da criança e dos profissionais da creche. De antemão, baseado em tudo o que eu presenciei nas conversas que eu tive com a direção da escola, com a profissional e com os profissionais, e principalmente embasado no trabalho que é desenvolvido aqui na creche pela equipe, eu acredito muito na fatalidade, eu acho que realmente os hematomas eles foram provocados por outra criança. A profissional ela não é manheira de primeira viagem, é uma profissional com um histórico delicado de ser muito atenciosa e carinhosa com as crianças”, detalhou o secretário.

Bruno Muniz 04 mar 2020 - 17:40m

0 Comentários

Deixe uma resposta


Quero Sandálias (Grande)
Instituto Olavo Bilac (Grande)
Iran Bikes (Grande)
Athom (Grande)
Floricultura Flor de Cheiro (Grande)
Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe
Dr. Napoleão Bezerra (Grande)
Dra. Patrícia Queiroz (Grande)
Bahia Ferragens (Grande)
Gelar Climatização (Grande)

Valloriza (Grande)
Mamuska Pizza (Grande)
Unicesumar EAD (Grande)
Pernambuco Proteção Veicular (Grande)
Chiquinho Sorvetes (Grande)
Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe
Bahia Ferragens (Grande)
Lis Bambini (Grande)
ASCAP (Grande)
Iran Bikes (Grande)