Destaques O crescimento dos deliverys em Santa Cruz do Capibaribe

O crescimento dos deliverys em Santa Cruz do Capibaribe


Comerciantes enxergam no serviço de entrega uma forma de simples de faturar longe dos gastos e da burocracia dos espaços físicos.

Foto: Divulgação

Nos últimos anos, e este ano principalmente, Santa Cruz do Capibaribe ganhou dezenas de novos serviços de delivery, se tornando essa uma das principais formas de empreendedorismo na cidade. Dados obtidos em um levantamento feito recentemente mostra que os empreendimentos de comercialização de comidas e bebidas cresceram 57% em 2019 no município.

O desemprego e o desejo de manter um negócio próprio gerando assim independência financeira são os principais motivos que levam muitas pessoas a iniciarem um negócio. A ideia dos deliverys se tornou mais popular e para muitos, uma alternativa para e lucrativa que gera rendimentos de maneira mais rápida.

Imagem: Blog do Bruno Muniz

Na terra das confecções, deixar de empreender com vestuário para buscar formas alternativas de empreendimentos também tornou comum. Em dez meses, surgiram na cidade mais de 80 novas empresas informais que comercializam alimentação. O número que parece alto pode ser ainda maior devido a empresas que ainda não ingressaram ativamente nas redes sociais.

Foto: Divulgação

Delivery de sorvetes, quentinhas, jantares, sanduíches, pratos prontos, cervejas, pizzas e até mesmo sushi e frango empanado, típicos das grandes cidades, já estão oferecidos em Santa Cruz do Capibaribe apenas no âmbito das entregas. O crescimento do serviço ganhou uma proporção tão grande que grandes serviços de delivery como o Pede.Aí, Quero Delivery e Ifood já chegaram na cidade este ano e profissionalizaram o setor. A expectativa é que no próximo ano pelo menos dois grandes outros serviços de delivery cheguem a cidade.

O Blog do Bruno Muniz conversou com alguns empreendedores que apresentaram os seus respectivos serviços na cidade este ano e maioria destacou que não pretendem, pelo menos nos próximos meses, abrir um negócio físico. Para os mesmos, os altos impostos e demais gastos para manter um espaço desestimulam os comerciantes.

Gerando empregos

Apesar da informalidade, os deliverys na Capital da Moda também geram diversos empregos diretos, seja pelo processo de produção que pode ir do contexto familiar ao profissional, até mesmo os ativos das próprias entregas, em sua grande maioria formado por profissionais que visam faturar uma renda extra trabalhando durante a noite.

Bruno Muniz 28 out 2019 - 18:36m

0 Comentários

Deixe uma resposta


Clim Center (Grande)
Immobilis Negócios Imobiliários
Bezerra Poços (Grande)
JCL (Grande)
Farma Fácil (Grande)
RC Tecidos (Grande)
Império dos Camarões (Grande)
Cetias (Grande)

JCL (Grande)
Polo da Moda Campina (Grande)
Best Net
Unicesumar EAD (Grande)
Vitta (Grande)
Jasfac (Grande)
Simone Joias (Grande)
Design Riscos (Grande)
Real Tags e Etiquetas (Grande)
Lis Bambini