Destaques Empresa abandona negociação e funcionários dos Correios entram em greve

Empresa abandona negociação e funcionários dos Correios entram em greve


Imagem meramente ilustrativa

Os trabalhadores dos Correios, organizados em 36 sindicatos e duas federações, aprovaram na noite de terça-feira (10) greve por tempo indeterminado que pretende alcançar todo o país. A paralisação começou mais forte em São Paulo e no Rio de Janeiro. Segundo os sindicatos, cerca de 7 mil trabalhadores participaram das assembleias nessas duas capitais.

Antes de cruzar os braços, os sindicatos fizeram dez reuniões com a empresa. Porém, a estatal abandonou a negociação sem fechar o acordo coletivo, que estava sendo mediado pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST).

A tensão entre trabalhadores e Correios envolve várias retiradas de direitos, como a exclusão dos pais dos empregados do plano de saúde. A proposta de reajuste oferecida pela estatal foi de 0,8%, bem abaixo da inflação no período, que ultrapassou 3%.

“A empresa abandonou as negociações e não deixou alternativas além da greve, que começou forte. A tendência é ampliar”, disse Douglas Melo diretor da FINDECT e do Sindicato dos trabalhadores dos correios de SP.

Bruno Muniz 16 set 2019 - 17:30m

0 Comentários

Deixe uma resposta


Total (Grande)
João Januário Tecidos (Grande)
APAE (Grande)
Integra Mais (Grande)
Mateus Assistência (Grande)
1Farma (Grande)
Novo Atacarejo (Grande)
Valloriza / Jasfac
JCL (Grande)

Kits Elásticos (Grande)
Sistemax (Grande)
Mateus Assistência (Grande)
Moda Center (Grande)
Sam’s Sushi (Grande)
APAE (Grande)
Novo Atacarejo (Grande)
Mandacaru Açaíteria (Grande)
Moura & Lima (Grande)
RC Tecidos (Grande)