Destaques Câmara aprova projeto que permite decretação imediata de divórcio em casos de violência doméstica

Câmara aprova projeto que permite decretação imediata de divórcio em casos de violência doméstica


Imagem meramente ilustrativa

A Câmara aprovou nesta quarta-feira (27) o projeto de lei que permite às vítimas de violência doméstica pedirem a decretação imediata do divórcio ou o rompimento de união estável com o agressor. A proposta segue agora para o Senado.

O texto altera a Lei Maria da Penha, inserindo a possibilidade de divórcio ou de dissolução da união estável entre as medidas a serem tomadas pelo juiz para assistência às mulheres vítimas de violência doméstica. Essas medidas podem ser tomadas emergencialmente, se for o caso.

O projeto também determina que, ao atender vítimas de violência doméstica, a polícia deve informar à mulher a possibilidade de ela ingressar com ação para encerrar o casamento ou a união estável.

O texto altera ainda o Código de Processo Civil, para tornar prioritários os processos judiciais em que uma das partes seja vítima de violência doméstica.

Bruno Muniz 28 mar 2019 - 14:35m

0 Comentários

Deixe uma resposta


Immobilis Negócios Imobiliários
Cetias (Grande)
Clim Center (Grande)
Império dos Camarões (Grande)
Instituto Olavo Bilac (Grande)
Farma Fácil (Grande)
JCL (Grande)
Bezerra Poços (Grande)
RC Tecidos (Grande)

Jasfac (Grande)
Instituto Olavo Bilac (Grande)
Vitta (Grande)
Best Net
Real Tags e Etiquetas (Grande)
Simone Joias (Grande)
Alan Vidros (Grande)
Cabeça Gesso (Grande)
Design Riscos (Grande)
JCL (Grande)