Destaques Bioma Caatinga é destaque em seminário realizado em Santa Cruz do Capibaribe

Bioma Caatinga é destaque em seminário realizado em Santa Cruz do Capibaribe


Foto: Assessoria de Comunicação

Trazendo as principais características e particularidades da Caatinga, foi realizado em Santa Cruz do Capibaribe o primeiro Seminário com foco na conscientização e preservação do bioma puramente da região do semiárido nordestino.

Foto: Assessoria de Comunicação

O evento aconteceu na manhã dessa quarta (29/08), no auditório da Escola Técnica Estadual José Nivaldo Pereira Ramos e contou com a participação dos palestrantes, professores, estudantes e público de outras cidades da região que compreende o Polo de Confecções do agreste de Pernambuco, bem como do Cariri do Estado da Paraíba.

Foto: Assessoria de Comunicação

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Urbano Gilson Julião, o evento foi um importante momento para a socialização das discussões.

“O Seminário possibilitou que diferentes agentes públicos discutissem com a sociedade a importância de conhecermos cada vez mais o nosso bioma, que é tão rico, porém necessita da união de forças em busca de uma conscientização e preservação coletiva”, disse.

Foto: Assessoria de Comunicação

Com realização da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe, através da Gerência de Meio Ambiente e com o apoio da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), Comitê de Bacia Hidrográfica do Capibaribe (COHB), APAC e Projeto Bichos da Caatinga, a programação foi voltada para a discussão acerca das principais características, além da relação entre o cidadão com o meio ambiente, estabelecendo cenários para a convivência com a Caatinga.

Foto: Assessoria de Comunicação

Para o Gestor de Meio Ambiente Marivaldo Andrade, a realização do Seminário foi o pontapé inicial para a ampliação da discussão a respeito da Caatinga. 

“Primeiramente é com muita alegria que realizamos esse encontro, elaborar políticas públicas consistentes é tarefa indispensável para a construção de uma sociedade melhor e nesse sentido pudemos aqui no dia de hoje celebrar a junção de importantes parceiros na luta em defesa do Bioma Caatinga, é preciso conhecer para depois preservar e acredito que demos um passo adiante,” conclui.

O público acompanhou atentamente a apresentação dos temas, que foram divididos em palestras de 20 minutos de duração cada, sendo eles: as influências da cobertura vegetal sobre a erosão e escoamento – estudo de caso em sub-bacias do Rio Taperoá e Paraíba; Conservação da Caatinga e as estratégias de sustentabilidade; Apresentação do projeto Bichos da Caatinga; Solos e nutrição de plantas com ênfase em fertilidade dos solos; Santa Cruz do Capibaribe: os entraves da geologia e seus potenciais de sustentabilidade; e o Potencial do turismo ecológico do Polo de Confecções.

Bruno Muniz 30 ago 2018 - 2:11m

0 Comentários

Deixe uma resposta


WG Aviamentos (Grande)
Athom (Grande)
ASCAP (Grande)
Dra. Patrícia Queiroz (Grande)
Floricultura Flor de Cheiro (Grande)
Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe
Mandacaru Açaíteria (Grande)
Mateus Assistência (Grande)
Bahia Ferragens (Grande)
Immobilis Negócios Imobiliários (Grande)

Chiquinho Sorvetes (Grande)
Best Net (Grande)
Kits Elásticos (Grande)
Mamuska Pizza (Grande)
Cabeça Gesso (Grande)
Novo Atacarejo (Grande)
Instituto Olavo Bilac (Grande)
Mandacaru Açaíteria (Grande)
ASCAP (Grande)
Dr. Napoleão Bezerra (Grande)